" CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ "

segunda-feira, 29 de julho de 2013

AUTOCONSCIÊNCIA (poesia)


AUTOCONSCIÊNCIA  (Jonas Serafim)




A razão para escrever é a própria realidade
que aos poucos idealiza o pensamento concreto.
A percepção da realidade aos sentidos 
sofre também ilusão.
Somos ânimos
e não anônimos desnecessários.
Em nossa animalidade
se encontra a espiritualidade.
Não somos só em nós mesmos.
Somos convergentes na diversidade.
Somos em autoconsciência
uma unidade qualitativa com o todo.
Somos uma realidade viva,
cósmica, convergente, intensa, inteligente e consciente. 
O Eu de mim mesmo é por existir, pensar, sentir, comer e amar.
Mas nem tudo o que se pensa, existe.
Somos empíricos demais e imediatos
para não percebermos nossos atos inconscientes.
Somos substancialmente
pensante e transcendental.
Em nós reside a soma total das condições vitais
de um ponto finito para a infinitude.
A consciência nos dá o sentido
entre a simplicidade e a complexidade.
A causalidade primeira de toda causa
denomina-se liberdade.
Tudo na natureza é necessário
e nada finda só em si mesmo.
A concepção que temos do mundo 
é em cada um uma consumação.
A consciência de um ente supremo necessário
ultrapassa a dimensão humana.
Não temos resposta para tudo
mas temos tudo como resposta.
Os conceitos inteligíveis que criamos
nascem na consciência da realidade vivenciada.
O determinismo exclui a dialética
mas não impede a transformação inevitável.
A razão não pode provar sua transcendentalidade
senão pela sua experiência determinada.
O empirismo não pode provar tudo
o que jaz inerente ao ser pelo sentimento.
Uma causa criadora originária de tudo
inquieta o pensamento de todo racional.
A consciência de uma razão em sua finalidade
converge no princípio da unidade.
Todo conhecimento intuitivo, dedutivo, conceitual e ideal,
se limita numa fonte a priori, e tudo caminha para o sentido essencial. 

sexta-feira, 19 de julho de 2013

MAPA DO MUNDO ANTIGO E DA PALESTINA NO TEMPO DE JESUS





MAPA E ÍNDICE DE NOMES DE LUGARES 
DO MUNDO DO PRIMEIRO TESTAMENTO





1. Monte Ararate Local tradicional onde a arca de Noé aportou (Gên. 8:4). O local exato é desconhecido.
2. Ur Primeira residência de Abraão, onde ele quase foi vítima de um sacrifício humano, viu o anjo de Jeová e recebeu o Urim e Tumim (Gên. 11:28–12:1; Abr. 1; 3:1). (Observar também um possível local alternativo para Ur no norte da Mesopotâmia.)
3. Babilônia, Babel (Sinar) Colonizada no início por Cuxe, filho de Cão e por Ninrode. Área de origem dos jareditas na época da Torre de Babel nas campinas de Sinar. Tornou-se posteriormente a capital provincial da Babilônia e a residência dos reis babilônicos, incluindo Nabucodonosor que levou muitos judeus cativos para esta cidade depois da destruição de Jerusalém (587 a.C. ). Os judeus permaneceram cativos na Babilônia durante 70 anos até a época do rei Ciro, que permitiu que os judeus retornassem a Jerusalém para reconstruir o templo. Daniel, o profeta também residiu aí durante os reinados de Nabucodonosor, Belsazar e Dario I (Gên. 10:10; 11:1–9; II Reis 24–25; Jer. 27:1–29:10; Eze. 1:1; Dan. 1–12; Ômni 1:22; Éter 1:33–43).
4. Susã Capital do Império Persa dos o reinado de Dario I (Dario o Grande), Xerxes (Assuero), e Artaxerxes. Residência da rainha Ester, cuja coragem e fé salvaram os judeus. Daniel e posteriormente Neemias serviram aí (Nee. 1:1; 2:1; Est. 1:1; Dan 8:2).
5. Campo de Dura Sadraque, Mesaque e Abednego foram atirados na fornalha de fogo ardente quando se recusaram a adorar uma imagem de ouro criada por Nabucodonosor; o Filho de Deus preservou-os e eles saíram ilesos da fornalha (Dan. 3)
6. Assíria Asshur foi a primeira capital da Assíria, seguida por Nínive. Os governantes assírios Salmaneser V e Sargon II conquistaram o Reino do Norte de Israel e levaram as 10 tribos cativas em 721 a.C. (II Reis, 14–15, 17–19). A Assíria foi uma ameaça a Judá até 612 a.C., quando a Assíria foi conquistada pela Babilônia.
7. Nínive Capital da Assíria. A Assíria atacou a terra de Judá durante o reinado de Ezequias e o ministério do profeta Isaías. Jerusalém, a capital de Judá, foi salva milagrosamente quando um anjo matou 185.000 soldados assírios (II Reis 19:32–37). O Senhor disse ao profeta Jonas que chamasse essa cidade ao arrependimento (Jon. 1:2; 3:1–4).
8. Harã Abraão estabeleceu-se aqui temporariamente, antes de partir para Canaã. O pai e o irmão de Abraão aqui permaneceram. Rebeca (esposa de Isaque) e Raquel, Lia, Bilha e Zilpa (esposas de Jacó) vieram dessa região (Gên. 11:31–32; 24:20; 29:4–6; Abr. 2:4–5).
9. Carquêmis O Faraó Neco foi derrotado aqui por Nabucodonosor, que eliminou o domínio egípcio sobre Canaã (II Crôn. 35:20–36:6).
10. Sidom Essa cidade foi fundada por Sidom, neto de Cão e é a cidade que fica ao extremo norte de Canaã (Gên. 10:15–20). Foi o lar de Jezabel, que introduziu a adoração a Baal em Israel (I Reis 16:30–33).
11. Tiro Foi uma importante cidade comercial e porto marítimo na Síria. Hirão, rei de Tiro enviou cedro, ouro e servos para ajudar Salomão a construir seu templo (I Reis 5:1–10, 18; 9:11).
12. Damasco Abraão salvou Ló próximo daqui. Foi a principal cidade da Síria. Durante o reinado do rei Davi, os israelitas conquistaram a cidade. Elias ungiu Hazael para ser o rei de Damasco (Gên. 14:14–15; II Sam. 8:5–6; I Reis 19:15).
13. Canaã Abraão e seus filhos receberam esta terra como possessão perpétua (Gên. 17:8).
14. Monte Sinai (Horebe) O Senhor falou a Moisés de uma sarça ardente (Êx. 3:1–2). Moisés recebeu a Lei e os Dez Mandamentos (Êx. 19–20). O Senhor falou a Eliseu em uma voz mansa e delicada. (I Reis 19:8–12).
15. Eziom-Geber O rei Salomão construiu “naus” em Eziom-geber (I Reis 9:26). Foi provavelmente nesse porto que a rainha de Sabá, ouvindo a respeito da fama de Salomão, aportou para vê-lo (I Reis 10:1–13).
16. Egito Abraão viajou para cá devido à grande fome que havia em Ur (Abr. 2:1, 21). O Senhor disse a Abraão que contasse aos egípcios o que Ele lhe havia revelado (Abr. 3:15). Os irmãos de José venderam-no como escravo (Gên. 37:28). José tornou-se o administrador da casa de Potifar. Ele foi atirado na prisão. Interpretou o sonho do Faraó e recebeu um cargo de responsabilidade no Egito. José e seus irmãos foram reunidos. Jacó e sua família mudaram-se para cá (Gên. 39–46). Os filhos de Israel habitaram em Gósen durante o tempo que permaneceram no Egito (Gên. 47:6).
Os israelitas multiplicaram-se “e foram fortalecidos grandemente”; depois eles tornaram-se cativos dos egípcios (Êx, 1:7–14). Depois de uma série de pragas, o Faraó permitiu que Israel deixasse o Egito (Êx. 12:31–41. Jeremias foi levado ao Egito (Jer. 43:4–7).
17. Caftor (Creta) A antiga terra dos minoanos.





*********************************************************************************



PALESTINA NO TEMPO DE JESUS





Mundo na Bíblia


"Vocês são o sal da terra. Mas, se o sal perder o seu sabor, como restaurá-lo? Não servirá para nada, exceto para ser jogado fora e pisado pelos homens. "Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um monte. 
Mateus 5:13-14
Não rogo que os tires do mundo, mas que os protejas do Maligno. 
João 17:15  (Cf. Jo 1,10) 
Quan­do você cultivar a terra, esta não lhe dará mais da sua força. Vo­cê será um fugitivo errante pelo mundo". 
Gênesis 4:12
Hoje me expul­sas desta terra, e terei que me esconder da tua face; serei um fugitivo errante pelo mundo, e qualquer que me encontrar me matará". 
Gênesis 4:14
No mundo todo havia apenas uma língua, um só modo de falar. 
Gênesis 11:1
"Faço com você uma aliança", disse o Senhor. "Diante de todo o seu povo farei maravilhas jamais realizadas na presença de nenhum outro povo do mundo. O povo no meio do qual você habita verá a obra maravilhosa que eu, o Senhor, farei. 
Êxodo 34:10
Levanta do pó o necessitado e do monte de cinzas ergue o pobre; ele os faz sentar-se com príncipes e lhes dá lugar de honra. "Pois os alicerces da terra são do Senhor; sobre eles estabeleceu o mundo. 
1 Samuel 2:8
Gen­te de todo o mundo pedia audiência a Salomão para ouvir a sabedoria que Deus lhe tinha dado. 
1 Reis 10:24
tremam diante dele, todas as nações! Firmou o mundo, e este não se abalará! 
1 Crônicas 16:30
É lançado da luz para as trevas; é banido do mundo. 
Jó 18:18
Quem o nomeou para governar a terra? Quem o encarregou de cuidar do mundo inteiro? 
Jó 34:13
Ele mesmo julga o mundo com justiça; governa os povos com retidão. 
Salmos 9:8
Com a tua mão, Senhor, livra-me de homens assim, de homens deste mundo, cuja recompensa está nesta vida. Enche-lhes o ventre de tudo o que lhes reservaste; sejam os seus filhos saciados, e o que sobrar fique para os seus pequeninos. 
Salmos 17:14
Mas a sua voz ressoa por toda a terra e as suas palavras até os confins do mundo. Nos céus ele armou uma tenda para o sol, 
Salmos 19:4
Do Senhor é a terra e tudo o que nela existe, o mundo e os que nele vivem; 
Salmos 24:1
Toda a terra tema o Senhor; tremam diante dele todos os habitantes do mundo. 
Salmos 33:8
Ouçam isto vocês, todos os povos; escutem, todos os que vivem neste mundo, 
Salmos 49:1
Se eu tivesse fome, precisaria dizer a você? Pois o mundo é meu, e tudo o que nele existe. 
Salmos 50:12
No redemoinho, estrondou o teu trovão, os teus relâmpagos iluminaram o mundo; a terra tremeu e sacudiu-se. 
Salmos 77:18
Os céus são teus, e tua também é a terra; fundaste o mundo e tudo o que nele existe. 
Salmos 89:11
Antes de nascerem os montes e de criares a terra e o mundo, de eternidade a eternidade tu és Deus. 
Salmos 90:2
O Senhor reina! Vestiu-se de majestade; de majestade vestiu-se o Senhor e armou-se de poder! O mundo está firme e não se abalará. 
Salmos 93:1
(Cf. Mc 4,19; 8,36; 10,30; Jo 3,16; 12,47; etc).



*********************************************************************************


 MAPA-MUNDI ANTIGO

Mapa mundo Babilónio Imago Mundido século VI a.C., o mais antigo mapa conhecido.


Mapa-múndi babilónio[editar]

O mapa do mundo mais antigo conhecido é o Imago Mundi de cerca de 600 AC, da Mesopotâmia.1 O mapa, reconstruído por Eckhard Unger mostra a Babilónia no Eufrates, envolto num território circular mostrando a AssíriaArménia e várias cidades, por sua vez rodeadas por um rio (Oceano), com sete ilhas dispostas em seu redor, formando uma estrela de sete pontas. Os textos sobreviventes mencionam sete regiões para lá do oceano.



Reconstrução do Mapa de Anaximandro

Mapa de Anaximandro (c. 540 a.C)[editar]

Anaximandro (morreu ca. 546 a.C.) é tido como criador de um dos primeiros mapas do mundo, de forma circular, mostrando os territórios conhecidos agrupados em volta do Mar Egeu, que está no centro. Tudo isto rodeado de um oceano.




VISÃO MODERNA DO MUNDO E DO UNIVERSO